8 estratégias de recrutamento para aplicar na sua empresa

Existem processos de seleção que podem auxiliar o RH na hora de contratar um novo funcionário para a sua empresa.

O recrutamento conta com várias etapas que ajudam a traçar o perfil que você procura, conhecer melhor o candidato, preencher a vaga com mais segurança e ter mais chances de acerto na contratação. 

E como atrair os profissionais para participar da seleção? A melhor estratégia depende do perfil do profissional buscado e em qual meio de comunicação ele se encaixa. Hoje temos muitos recursos disponíveis para divulgar vagas de emprego. Ferramentas como o site Eu Quero, apps, grupos de WhatsApp, feirão de empregos, escolas e universidades são alguns exemplos de plataformas que a instituição pode buscar para publicar novas oportunidades.

A Gestora de Recursos Humanos, Letícia Polli dos Anjos, afirma que o profissional precisa ser qualificado e bem preparado para colocar qualquer estratégia em prática, pois é imprescindível definir bem o candidato que busca. “Indicar qual formação, experiências, caraterísticas pessoais e competências. Esse é o ponto de partida para definirmos estratégias de recrutamento e de seleção”, explica Letícia.

Separamos 8 estratégias de seleção que realmente funcionam e vamos falar um pouco sobre cada uma para você entender como e quando aplicar.

Entrevista individual

Não menos importante por ser a clássica entrevista individual, este método pode ser presencial ou à distância. A tecnologia está do nosso lado nessas horas, com o Skype ou qualquer outra ferramenta que disponha da ligação de vídeo online. Individualmente, com mais privacidade, este momento é importante para conhecer o profissional e abordar questões mais pessoais como remuneração anterior, pretensão salarial e aspectos pessoas.

Entrevista em grupo

Se você quer otimizar o seu tempo e agilizar a contratação, a entrevista em grupo é uma boa opção. Faça um filtro em grupo abordando questões de experiência profissional. É opcional abordar questões pessoais nesse momento, pois os seus candidatos podem se sentir desconfortáveis.


Entrevista por competência 

Esta conversa acontece quando se quer avaliar competências específicas requeridas para o cargo. É focada em experiências e conquistas anteriores. Para chegar nesta etapa, é muito importante seguir o primeiro passo, definir os requisitos profissionais que busca. Se não houver este filtro, a entrevista por competência pode não ser o que procura.

Dinâmica de grupo

Mais uma vez, é importante definir quais características busca para escolher qual dinâmica irá atender o objetivo. O grupo é ideal para avaliar características da pessoa. Se você quer avaliar se os candidatos são bons em negociação ou liderança, por exemplo, precisa escolher dinâmicas que mostrem isso.

Teste prático 

Teoria na prática? Teste o seu candidato e veja se ele está capacitado para a função. Se a atividade for manual, peça para fazer uma montagem ou operar uma ferramenta específica, por exemplo. Desta maneira você pode avaliar se ele está apto para trabalhar no cargo em questão.

Prova técnica na área

Quer saber se o seu candidato realmente sabe fazer o que diz no currículo? Uma opção muito utilizada é a prova técnica na área para comprovar as habilidades. Você pode aplicar uma prova de inglês, contabilidade um ou exercício em excel, por exemplo.

Testes psicotécnicos presenciais 

A avaliação psicotécnica pode avaliar a personalidade e capacidade de tomada de decisões no desenvolvimento de determinadas atividades. O objetivo é analisar aspectos – como atenção, raciocínio, memória, nível de concentração e entre outros – para exercer determinadas funções. O teste psicotécnico é de uso restrito de psicólogos, regulamentados pelo CFP (Conselho Federal de Psicologia).

Testes online

A avaliação de perfil pode ser feita por testes online, por exemplo. Este recurso é fundamental para revelar o potencial, comportamento e competências do candidato. São itens importantes, que influenciam no trabalho e na rotina da empresa.

Para realizar as entrevistas é importante ter um roteiro e analisar os currículos. Faça suas anotações e explore cada pergunta para saber mais sobre o candidato. Ao final da conversa, combine a devolutiva e retorne ao profissional e cumpra conforme o combinado.

Quem pode utilizar as estratégias?

Pequenas e grandes empresas podem aplicar as estratégias listadas. Segundo a Gestora de Recursos Humanos, Letícia Polli dos Anjos, o que vai ditar qual estratégia a empresa pode usar, não é necessariamente o tamanho dela e sim, o perfil do profissional que se procura.  “Se temos uma vaga estratégica de liderança, as ferramentas de avaliação de perfil são muito importantes”, completa Letícia.

Se você não tem um setor de RH estruturado internamente na sua empresa para adotar uma ou outra estratégia de recrutamento, pode terceirizar este serviço. Aposte em um profissional qualificado para selecionar seus colaboradores e acerte nas contratações.

Conheça mais estratégias para o setor de RH acompanhando o site Eu Quero